Home NotíciasCiência e Tecnologia Damares, Bolsonaro, Queiroga e o circo da morte